Nascido em Alvito, no coração do Alentejo, em 1980, já foi taberneiro e deu-se mal com a agricultura. Através de artistas vindos de todo o lado do mundo, amigos que a mãe sentava à mesa do jantar, ganhou o gosto pelo processo de pensar e trabalhar a imagem.
Fotografa as pessoas da sua vila, sem a procura do exotismo, preferindo olhar para o que o rodeia com naturalidade e vê a fotografia primeiro que tudo como um um acto de contemplação e partilha.


2021

.


Gonçalo é o Anfitrião e Coordenador do Festival Encontros de Alvito, que pretende promover a consciência ambiental através das artes, da troca e partilha de palavras e ideias, trabalhando o território com as suas gentes, promovendo a trabalho em rede com parceiros nacionais e internacionais e  procurando uma maior consciência pela natureza, pelos animais, por nós, pela Terra.

Com o objetivo de celebrar, discutir, propor e criar pontes entre a Arte, a Ciência e a Ecologia no Baixo Alentejo. estamos a desenvolver o projecto com o nome Encontros de Alvito - Arte, Ciência e Ecologia, multidisciplinar, baseado em três pilares fundadores no qual se enquadra o Festival Encontros:

  • Festival Encontros (residências, cruzamentos artísticos, programação cultural em espaços não convencionais no centro histórico da vila - co-financiado pela CMA);
  • Floresta Pedagógica e Sintrópica (economia circular, banco de alimentos saudáveis, pedagogia);
  • Parque dos Encontros (candidatura aprovada e financiada a 100%  pelo programa Bairros Saudáveis);

www.encontrosdealvito.com

.

O Pôla como alguns amigos lhe chamam fez o curso de edição vídeo em 2001 na Etic quando rumou a Lisboa, em 2002 entrou a trabalhar na produtora PixMix até 2011.

Interessa-lhe particularmente o documento audiovisual enquanto narrativa construída através da observação da sua realidade e de uma inspiração e gratidão pela mãe natureza.

Nos últimos anos cruzou o seu trabalho com artistas como João Paulo Feliciano, Moreno Castellano, Rui Algarvio, Pedro Calhau ou Luís Christello e também com músicos como o Benjamim, Selma Uamusse, Lena d'Água ou Flak, que para além da amizade partilham o gosto pela criação.
 Tem uma longa metragem estreada em 2015 e com transmissão na RTP 1 em 2019 com o nome de "Auto-Rádio". Retrata 33 dias de concertos de Benjamim de norte a sul de Portugal numa longa viagem.
Tem trabalhos em colaboração com as produtoras, agências e ateliers como Real Ficção, AC Brand Design, SN Films, Ramos e Castellano Arquitectos. Com o atelier de Arquitectura Ramos e Castellano tem um vídeo sobre a "Casa Celestina" no Mindelo em duas das maiores plataformas digitais na área criativa, DesignBoom e Archdaily.
Em 2019 com o Nuno Sá e a produtora Atlantic Ridge Productions fez parte da equipa que produziu o documentário "Mar a Última Fronteira"  com 6 episódios transmitidos pela RTP1 e RTP3, numa parceria com o Oceanário de Lisboa e a Fundação Oceano Azul.

Prémios (camera man)
 "Mar, A Última Fronteira" 1o ART&TOUR
"Mar, A Última Fronteira" - 1o Natureza e Vida Selvagem. BEST OF PORTUGAL
"Riding to extinction" 1° lugar na categoria de Preservação da Biodiversidade.

No seu percurso já realizou filmes promocionais para o LIDL,  SEAT,  Intermarchê,  STAPLES,  Adega Cooperativa de Vidigueira, Cuba e Alvito,  LINA E RAÜL REFREE.

.

“…. por estarmos desligados da vida no planeta, achando que nós somos os inteligentes, e não vendo… que somos parte de um sistema inteligente.”Ernst Gotsch

.

Using Format