O Pôla como alguns amigos lhe chamam fez o curso de edição vídeo em 2001 na Etic quando rumou a Lisboa, em 2002 entrou a trabalhar na produtora PixMix até 2011. Durante esse percurso frequentou alguns workshops de edição de vídeo e fotografia, outros de realização e de fotografia em estúdio. Trabalhou na edição de vídeos para marcas como a EDP, o Pingo Doce, o Banco Alimentar, a Danone, entre outras. Com a saída da PixMix procurou a câmera de filmar e começou a filmar e a realizar.

Nunca deixou de gostar de estar próximo da natureza, que intitula como o seu Deus, gosta de arquitectura sustentável, de animais, de viagens, do cheiro a terra molhada, de ouvir os cães latir ao longe numa noite alentejana, de rir, de uma boa conversa, de vinho e do mar.

Nascido em Alvito, no coração do Alentejo, em 1980, já foi taberneiro e deu-se mal com a agricultura. Através de artistas vindos de todo o lado do mundo, amigos que a mãe sentava à mesa do jantar, ganhou o gosto pelo processo de pensar e trabalhar a imagem. Fotografa as pessoas da sua vila, sem a procura do exotismo, preferindo olhar para o que o rodeia com a naturalidade única de quem conhece as pessoas que fotografa. 

Em 2016 realizou o videoclip do primeiro single do músico Benjamim, inteiramente rodado em Alvito e uma longa-metragem com o nome Auto-Rádio.

Começou a trabalhar com o artista plástico João Paulo Feliciano em 2016 no tratamento fotográfico do livro Xabregas City, e 2017 e 2018 no arquivo vídeo de todo o Primavera Sound no Porto. 

 Trabalha com frequência com músicos como Benjamim, a Selma Uamusse ou o Flak.

Como câmera faz trabalhos para o realizador Rui Simões em alguns dos seus documentários. Em 2018 andou por Portugal e ilhas a filmar um documentário de uma série para a RTP com o fotografo e realizador sub-aquático Nuno Sá.

Neste momento tem projectos na área do vídeo e fotografia com os arquitectos Ramos e Castellano de Cabo verde, em Alvito está a desenvolver projectos pluri-disciplinares ligados à sustentabilidade, ao desenvolvimento rural e às Artes. 


Using Format